A pergunta do dia é: você já considerou fazer aulas de teatro

Pode até parecer um pouco improvável inserir essas aulas em meio à nossa rotina, mas sabia que fazer um curso de teatro pode ajudar (e muito) na sua carreira profissional?

Se você tem dificuldade de falar em público ou não consegue lidar com as relações interpessoais no trabalho, um curso teatral pode fazer a diferença na sua vida!

Na verdade, estar em contato com essa manifestação artística, como aluno e não apenas como espectador, pode trazer uma série de benefícios pessoais e profissionais

Para falar melhor sobre isso, convidamos a atriz, diretora e educadora, Beta Cunha, que integra a companhia Cênica, para falar a respeito dos benefícios das aulas e como o curso pode ajudar a melhorar a relação interpessoal no trabalho e impactar a sua carreira profissional!

Com mais de 37 anos de carreira e 25 anos como professora de teatro, Beta Cunha tem uma trajetória inspiradora. Sua primeira direção artística foi em 1987 em um grupo amador formado no Colégio Miziara, em São José do Rio Preto, interior de São Paulo. Em 1990, na mesma cidade, entrou para a companhia Celeste como atriz. 

Mas, na verdade, ela conta que sua trajetória artística começou antes mesmo dela nascer, visto que o pai dela é cofundador do grupo de teatro mais antigo do interior de São Paulo, o GTR – Grupo Teatral Rio-pretense. 

Curiosamente, sua estreia nos palcos foi aos seis meses de idade. “Precisava de um bebê em cena e tinha a Roberta [Beta] de seis meses, então eu fui para a cena. […] [Minha] trajetória é uma questão bem de vivência, [bem] familiar. […] Realmente, desde [sempre], esse universo artístico teatral faz parte da minha vida”, afirma.

Agora bora conferir as dicas de ouro de Beta Cunha? 

Quais são os benefícios das aulas de teatro?

Elas oferecem uma variedade de benefícios – e são indicadas para todas as pessoas, de qualquer idade.  

“Costumo dizer que o teatro e, por consequência, fazer aulas ou participar de um processo de montagem com algum grupo, é uma forma de você se autoconhecer, e se desconstruir para poder construir e trazer coisas novas [para si]. [Isso sem contar] o aumento da comunicação, o aumento no poder da memória e na lida em relação ao outro. Seus relacionamentos melhoram, e é uma forma de você perder a timidez”, reflete a atriz e diretora

Espetáculo Vereda da Salvação – Cia Beradero / Foto: Arquivo Pessoal

Seja você uma criança, um adolescente ou um adulto, fazer parte de um curso de teatro pode te ajudar a desenvolver habilidades e características essenciais para a vida pessoal e, inclusive, profissional.

Isso porque, alguns dos principais benefícios são:

  • Autoconhecimento e autoestima;
  • Comunicação verbal e não verbal;
  • Expressão corporal;
  • Arte da escuta;
  • Empatia;
  • Trabalho em equipe;
  • Colaboração com o outro.

“A gente desenvolve, através dos jogos das aulas de teatro, autoconhecimento, autoconfiança e autoestima. A primeira coisa é se autoconhecer para depois começar a identificar as características que você vai precisar usar para a cena”, afirma a atriz e diretora. Como ressalta Beta Cunha, nesses cursos, você desenvolve “o poder da fala, o poder da oratória, o poder do olhar e a escuta, e o poder de enxergar o outro.”

Sobre o autoconhecimento, Beta Cunha fala: “A arte teatral propicia o autoconhecimento. [É] um autoconhecimento enquanto pessoa pensante, [sobre] a sua posição no mundo e também em relação às questões físicas e de espaço”. 

Outra questão apontada pela professora é o efeito terapêutico de um curso teatral: “As aulas de teatro, através dos jogos, têm um efeito terapêutico. Muitas pessoas passaram por mim e/ou estão comigo porque vieram por indicação terapêutica para que possam usar o teatro como objeto de desinibição e de ampliação da capacidade do relacionamento social”. 

No entanto, vale destacar que as aulas de teatro não são uma terapia, afinal, como recorda Beta Cunha, o psicodrama é a “vertente da psicologia onde você trabalha com algumas técnicas teatrais”.

“Porém, as aulas de teatro não são psicodrama. A gente utiliza, às vezes, de algumas técnicas que podem ter esse efeito terapêutico [no aluno], mas não faz parte de uma terapia”, explica. 

Qual é a relação entre as aulas de teatro e a carreira profissional?

As habilidades e características desenvolvidas em um curso teatral podem ser extremamente valiosas no mercado de trabalho, principalmente no que diz respeito às relações interpessoais. 

Beta conta que, ao longo dos seus mais de 25 anos como professora, passou a enxergar como o curso é importante para que os alunos tenham melhores relações sociais em seus ambientes de trabalho. 

Inclusive, muitos dos seus alunos que não seguiram carreira artística teatral, mas foram para outras profissões, sempre lembram à educadora sobre como o curso foi importante para o convívio profissional. 

Um dos benefícios [deste curso] é você poder se reconhecer e se relacionar enquanto ser social. Teatro não se faz sozinho, teatro é uma arte coletiva. Então é necessário que você tenha esse autoconhecimento e o olhar e a escuta para o outro. […] O teatro é uma arte relacional, uma arte de comunicação com o outro. E, para isso, é preciso empatia, é preciso trabalho em equipe”, explica.

Além disso, “as aulas de teatro podem ajudar a desenvolver a comunicação verbal e não verbal, porque a gente trabalha […] para que a pessoa […] encontre em si quais são esses seus poderes de comunicação verbal e não verbal”, diz Beta. 

Mas, mais que isso, a ideia é “provocar” o aluno: “Adoro usar essa palavra, porque acho que é isso: provocar para que a pessoa possa saber onde ela precisa melhorar, desenvolver mais, de trabalhar a comunicação verbal e a não verbal. As aulas de teatro são fundamentais para isso”. 

Como aulas de teatro ajudam a carreira profissional
Foto: Arquivo Pessoal

E como o curso ajuda a lidar com situações inesperadas no trabalho?

Quando falamos sobre mercado de trabalho, a gente sabe que não dá para ter controle de tudo, né? Por isso, é superinteressante ter jogo de cintura para lidar com aquelas situações inesperadas que podem acontecer no dia a dia

E é muito comum que, em meio às aulas de teatro, os professores trabalhem com o improviso, e é exatamente esta prática que pode auxiliar nesses casos inusitados.

“No improviso, a gente trabalha não só o poder de raciocínio rápido para poder lidar com a situação do improviso na cena, mas antes disso a gente prepara o intérprete – quem está fazendo a aula – para que ele tenha uma visão e que desenvolva características de visão periférica. [Mas] principalmente [que ele desenvolva a habilidade] da escuta total do outro. E a escuta não só auditiva, mas a escuta do posicionamento corporal, físico, intenção, conhecendo o outro. A gente faz a pessoa entender o contexto para poder prontamente desempenhar e se desenvolver com situações inesperadas”, explica a professora. 

Tem idade para fazer aulas de teatro?

A resposta é não! 

Beta Cunha deixa o conselho: “Se joga. O teatro não tem idade! […] Tem que ter a vontade, a disposição e essa curiosidade de “quero me conhecer mais, quero dar possibilidades às vozes da minha criatividade, quero aguçar a minha observação, a minha concentração e a minha memória”.

“Então, se você tem vontade de fazer teatro e acha que para a sua idade não deve ou não pode, pode parar com isso. É importante. Venha, faça uma aula de teatro que você não vai se arrepender!”, finaliza a professora.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.